Primeiro levei um susto, depois bateu aquela tristeza. Um restaurante que surpreendeu Curitiba há 13 anos, de uma chef que admiramos, estava fechando?

No caso do Sel et Sucre, o sentimento foi logo abrandado quando soube que Kika Marder fechava sua premiada casa, mas abriria um empório.

Então, teremos a excelente cozinha da chef à disposição? Vamos perder o charme de comer no local, o espaço deixará saudades sim. Mas a troca pode compensar, pelo menos para mim, que com a pandemia voltei a almoçar mais em casa.

E agora vou confessar, pode soar estranho, mas acabei comemorando porque a notícia veio acompanhada de um ravióli de foie gras. Sério, ter um prato assim esperando por você no conforto da sua casa é de se aplaudir. Imaginei-o como uma entrada triunfal, com trombetas e anjos anunciando o início de um jantar especial oferecido para amigos. Acredite, impressiona.

Imediatamente, também lembrei dos blinis, as pequenas panquecas, que costumava comprar logo que a casa inaugurou em 2008. Tinha uma sobremesa de morango que era igual a da minha mãe, além de outros pratos, clássicos, principalmente, que entravam na seleção das preferências, agora disponíveis para entrega.

A chef

Kika Marder está feliz com a nova fase. Enquanto o empório está em reforma, faz entregas e atende para retiradas. Contou animada sobre a linha de molhos, com nove opções, e as manteigas originais, com cinco opções. A chef capricha nas embalagens para presente e ainda abrirá um espaço para eventos pequenos.

Três linhas de produtos foram lançadas: Bons Momentos (é preciso pedir com uma pequena antecedência); Sem Segredo (congelados, prontos para levar); Feito pra você (encomendas antecipadas). O serviço de catering já voltou a funcionar para pequenos grupos e o espaço de eventos deve abrir em breve, assim como o empório.

Pedi uma receita para testar, acabei escolhendo uma publicada no seu Instagram. Impossível resistir a bouilabasse. “Tenho feito vários vídeos ensinando, é muito bom”, me contou. Na verdade, fiquei de olho no “arroz de pato”. “Ainda não publiquei, esse prato eu tenho no empório”, me disse. Então, ficamos com a sopa francesa. Segue aqui, se ficar com alguma dúvida vai até a página dela, no @kikamardergastronomia no #KikaConvida e #ReceitasdaKika, está tudo muito bem explicado. Duvido que não fique com vontade de comer.

  • Para a bisque:
    1kg de casca de camarão com cabeça
    3 dentes de alho
    200g de alho-poró em rodelas
    1 cebola roxa picada em cubinhos
    200g de cenoura em rodelas
    200g de salsão em rodelas
    200g de erva-doce em fatias finas
    molho de tomate ou 4 tomates pelados
    azeite de oliva
    sal
    pimenta-do-reino
    manteiga de ervas (veja no menu de encomendas do empório)
    manjericão
    100ml de cognac
    1 litro de caldo de legumes
    Para a bouilabaisse:
    300ml de creme de leite fresco
    ervas frescas
    Aioli:
    2 gemas
    200ml de azeite de oliva
    limão siciliano
    2 dentes de alho assado
    cibloulette francês
    Pão sourdough

Modo de preparar

  1. Em uma panela, adicione o azeite de oliva e a manteiga de ervas. Logo após, refogue os vegetais, deixando o alho por último.
  2. Acrescente as cascas e cabeça do camarão e deixe tostar levemente.
  3. Adicione o cognac, 80% do caldo de legumes e o molho de tomate e cozinhe, em média, por 40 minutos com panela tampada.
  4. Bata no liquidificador e coe em uma peneira. Adicione o açafrão no restante do caldo, e adicione na bisque.⁣

Para a Bouillabaisse

  1. Coloque a bisque coada na panela, adicione o creme de leite e deixe reduzir 1/3 do creme. Reserve. ⁣
  2. Em uma frigideira antiaderente, grelhe rapidamente os frutos do mar (separadamente) e junte na bisque.
  3. Deixe ferver por 5 min e está pronto para servir.

Serviço:

Empório Kika Marder

Rua Gonçalves Dias, 125

Batel

Curitiba – Paraná

Whatsapp 41 99760-0037

Mensagem via Site