Uma das últimas coisas que faremos no dia 31, o último do ano, será cozinhar, certo? Porque amamos comer bem e a data pede boa comida.

 

Carré de Porco à Japonesa

Carré de Porco à Japonesa

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Hoje, vamos direto ao assunto. Quem não conhece o blog não sabe que eu gosto muito de escrever e contar histórias, o que pode incluir causos pessoais.

Escolhi uma receita com carne de porco de alguém que admiro muito, a Mari Hirata, gosto de reproduzir receitas de chefs e ver que sou capaz de acertar, “se eu fiz, você também conseguirá”, costumo dizer. Ando com o último livro dela pra cima e pra baixo.

Publico antecipadamente para dar tempo de comprar os ingredientes.

O trabalho aqui é preparar a marinada, se é que podemos dizer isso. Depois é só assar. Bom demais!

Desejo a todos um Feliz 2018, que tenhamos disposição, saúde e fé para alcançamos nossos objetivos e realizarmos nossos projetos.

Carré de porco à japonesa

Ingredientes

400 ml de mirin

400 ml de saquê

400 ml de shoyu

2 cebolas em rodelas

1 cenoura em rodelas

1 alho-porro

4 dentes de alho picadinhos

1 pedaço de gengibre (10cm) em rodelas

1 pimenta dedo-de-moça picada (sem sementes e filamentos brancos)

1 carré de porco (manta de costela de porco inteira) de mais de 2kg

Molho

Para cada xícara de caldo do assado:

1 colher (sopa) de kuzu, fécula de batata ou amido de milho

2 colheres (sopa) de gergelim branco

1 colher (chá) de pimenta japonesa sansho

Modo de fazer

  1. Colocar o saquê e o mirin em uma frigideira e levar para ferver. Quando ferver, flambar para queimar o álcool.
  2. Depois que a mistura esfriar, juntar o shoyu, os legumes e os temperos picados. Colocar tudo em um grande saco plástico e deixar o carré de porco por uma noite na geladeira, mudando-o de posição algumas vezes para marinar por igual.
  3. No dia seguinte, embrulhar a carne em papel-alumínio, com os ossos para baixo, e dispor em uma assadeira, incluindo a marinada. Levar ao forno a 160 C por quatro horas. Depois de duas horas, virar a peça de carne com os ossos para cima. Tornar a embrulhar e assar por mais duas horas.
  4. Retirar do forno, coar o caldo do assado e descartar os legumes. Desengordurar, medir, levar ao fogo e engrossar com a fécula diluída, na proporção indicada.
  5. Colocar a carne de volta na assadeira com os ossos para baixo e pincelar com bastante molho. Acrescentar o gergelim e a pimenta japonesa. Levar para dourar no grill até ficar bem caramelizada. Cuidar para não queimar a crosta. Cortar as costelas e servir com o molho à parte.

 

 

Mensagem via Site