Continuo pela França, desta vez, clafoutis foi a receita que pulou na minha frente. Clafoutis nada mais é do que frutas frescas assadas numa massa bem simples de ovos, açúcar, farinha de amêndoas torradas e farinha.

Além de morango, coloquei amora também em outra forma. As frutas não apareceram tanto, como é o certo, elas sobem, como que querendo sair da forma. Com certeza foi porque assei um pouquinho demais

Usei morangos orgânicos e o aroma me levou direto para o tempo que minha mãe preparava uma torta de  massa suave que deixava os morangos flutuando até alcançar um suspiro. Essa cobertura não existe na original. Foi literalmente uma viagem de sabores e cheiros da infância.

A receita original sugere cerejas, ou framboesas, para envolverem a massa fofa. Não tem erro. Uma sobremesa que faz sucesso sempre.

Costumava fazer, depois esqueci dela, é comum acontecer isso também, não é mesmo? É a receita da semana porque com tantas viagens e muito trabalho não sei se consigo colocar o pé na cozinha pelos próximos dias, infelizmente.

A novidade é que no livro da Rachel Khoo é apresentado também uma versão salgada, que ainda não provei. A sugestão é substituir as frutas por queijo, tomate e azeitonas combinam bem, e não usar açúcar, claro.

Ingredientes

4 ovos

150g de açúcar

1 pitada de sal

50g de amêndoas torradas e moídas (pode usar pistache ou avelãs)

2 colheres de sopa de farinha de trigo

100 g de crème fraîche (coalhada com creme de mesa fresca)

100ml de leite

350g de frutas

Modo de fazer

Pré-aqueça o forno a 180C, unte com manteiga e enfarinhe uma assadeira pequena (19x10cm). Bata os ovos com o açúcar e o sal até esbranquiçarem e engrossarem, acrescente as farinhas peneiradas, depois a crème fraîche e o leite. Espalhe as cerejas na forma por igual. Despeje a massa sobre elas e leve ao forno por 30-40 minutos ou até dourar e ficar firme. Sirva quente ou frio. Pode fazer em ramequins individuais, daí diminui o tempo para assar (de 15 a 20 minutos).

Mensagem via Site