Se arrependimento matasse, cairia esturricada. Tinha uma tia, que além de estar sempre disposta – descontando os últimos meses de vida quando já seu coração pedia água – fazia doces portugueses de uma maneira espetacular, herança das nossas origens; naquela época, eu não comia quase nada, imagine, não valoriza o doce.  Agora quero fazer e acho tudo muito difícil. Vai daí que peguei o livro da Roberta Sudbrack de novo e vi anotado lá na receita *****, cinco estrelas, nota máxima. Resolvi repetir. Não é que não gostei. Culpa do meu paladar, que fique bem claro. A receita dá certo, mas vai muito açúcar. Desculpe, chef. Sou sua fã assumidíssima, não tenho o que reclamar das suas receitas, só desta vez tenho que discordar, mas, enfim, não fujo do propósito do post e publico aqui. Na próxima vez, vou tirar o merengue e deixar apenas as claras batidas. Talvez até a chef concorde comigo hoje, afinal, o livro é de 2001, meu autógrafo veio em 2008, quando já era blogueira e preparei a receita, de lá pra cá muita coisa mudou no mundo, sem falar nos nossos gostos. Minha tia querida, Linda, era o seu apelido, sempre tão preocupada em agradar toda a família, que saudades, era admirada, assim como seus doces. Pouca habilidade com a renda de açúcar, como podem notar na foto. Prometo treinar mais.

Ovos nevados com creme de canela

Ingredientes

(para oito pessoas)AOvos_nevados

Ovos nevados

1,5 litros de leite

10 claras

250g de açúcar de confeiteiro

Creme

1 fava de baunilha

500ml de leite

6 gemas

100g de açúcar

10g de canela em pó

Renda de açúcar

100g de açúcar

3 colheres de sopa de água

Modo de preparar

Aqueça o leite sem deixar ferver.

Bata as claras em neve e acrescente o açúcar aos poucos até obter picos firmes.

Com a ajuda de uma colher acrescente aos poucos a clara em neve ao leite, formando pequenos círculos. Deixe cozinhar até ficar firme e retire.

Creme

Abra a fava de baunilha e acrescente as sementes e a fava ao leite. Ferva o leite.

Passe as gemas por uma peneira de plástico e bata o açúcar até obter um creme esbranquiçado. Acrescente o leite aos poucos às gemas e misture bem. Cozinhe em banho-maria até adquirir um creme espesso. Junte a canela.

Renda de açúcar

Faça um caramelo com o açúcar e a água.

Deixe esfriar um pouco e com um garfo grande faça movimentos rápidos para formar fios em cima de uma superfície limpa e untada, formando uma renda fina. Molde e reserve.

Montagem

Faça camadas com os ovos nevados e a renda de açúcar. Regue com o creme de canela.

Mensagem via Site